Séries

Artistas comentam seriados em painéis da CCXP 2015

Evento reuniu grandes nomes das séries em painéis durante os dias 03 a 06 de dezembro no São Paulo Expo. Globo e Netflix estavam bem re... (por Gisele Henriques em 09/12/2015, via GeekBlast)


Evento reuniu grandes nomes das séries em painéis durante os dias 03 a 06 de dezembro no São Paulo Expo. Globo e Netflix estavam bem representados. Porém, a rápida participação de alguns atores deu ao público um gostinho de "quero mais".

Painel da Netflix em clima de "Já acabou, Jessica"?


Dois mil e quinhentos fãs vibraram intensamente quando o logo vermelho do Netflix apareceu na tela. Assim começou o mais esperado painel do segundo dia da CCXP. O serviço de streaming apresentou um trailer inédito da segunda temporada de Demolidor, que mostra o personagem lutando com o anti-herói Justiceiro. Na sequência, Krysten Ritter e David Tennant, ambos da série Jessica Jones, subiram ao palco e, mesmo tendo o painel interrompido após cerca de 10 minutos do início, levaram o público ao delírio. O trio Aml Ameen, Jamie Clayton e Alfonso Herrera, de Sense 8, encerrou a apresentação. A transexual Jamie Clayton, que interpreta a também transexual Nomi deu um show à parte falando com orgulho sobre Sense 8. “É uma honra estar em uma série que representa todos os gêneros”. A atriz também deixou uma mensagem que deve ser replicada para o mundo. “O amor não é só aquilo que você deveria gostar”.

Power Ranger Steve Cardenas em hora de morfar




O ex-Power Ranger Vermelho Steve Cardenas, que também foi o Ranger Azul na temporada “Zeo” da série, convidou um fã que disse ser praticante de taekwondo a lutar com ele no painel “A Hora de Morfar”, no primeiro dia do evento. Além da brincadeira, Cardenas contou que foi escolhido entre quatro mil candidatos para o papel sem ter experiência em atuação, apenas em artes marciais, e que as gravações duravam 12 horas por dia. “Sinto falta de estar no set de filmagens, mas tento tocar minha vida e espero fazer uma participação futuramente”, disse o ator e lutador, que revelou não ter participado do reencontro em “Power Rangers: Megaforce” por conflito de agenda. Ele também agradeceu o carinho que recebe dos fãs até hoje.

Misha Collins fala sobre Castiel 


O terceiro dia começou agitado com o painel do Misha Collins, ator responsável por Castiel de Supernatural. O artista contou sobre como conseguiu seu papel, a amizade com os outros atores da série e suas primeiras experiências como diretor. Ele falou ainda sobre a audição para o Castiel, personagem que começou com a intenção de durar três episódios e hoje se estende por mais de oito anos. “Os produtores não queriam que soubessem que teria um anjo na série, então estava no Script como demônio. Quando fiz o teste, eles revelaram o segredo e eu fiz tudo de novo, completamente diferente.”Misha recebeu presentes, tirou fotos, abraçou fãs, respondeu perguntas de todos os tipos, desfilou com a bandeira do Brasil, compartilhou histórias de vida e do set de filmagem. Além disso, também contou o que esperar do anjo da série nas próximas temporadas: “Castiel vai tomar decisões ruins”, conta.

Globo representada por "TV Pirata" anuncia nova série


No terceiro dia, houveram dois painéis da Rede Globo: Em um, foi mostrado teaser da nova série Supermax. Os convidados Carolina Kotscho, Marçal Aquino, Fernando Bonassi, Dennison Ramalho e José Alvarenga contam os desafios de fazer um estilo completamente novo no Brasil, que mistura terror, aventura, drama, romance e ficção científica. A história, que também é acompanhada por uma HQ, conta sobre 12 participantes de um reality show em uma prisão de segurança máxima na Floresta Amazônica. No segundo painel, Claudio Manoel, Claudio Paiva, Diogo Vilela e Ney Latorraca, divertiram o público com histórias de 1988, quando a famosa TV Pirata estava no ar. Bem humorados, discutiram a liberdade da época, muito usada na comédia do programa para criticar a própria televisão, artistas e a ditadura militar que acabara não muito tempo antes.

via PR
Gisele Henriques escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook