Séries

Série derivada de The Good Wife contrata Justin Bartha

Contemple o fim da Era Florrick e o início da Era Colin


Alícia Florrick deixará saudades. Peter Florrick, nem tanto. Indiferente ao amor ou ódio pela série - e seu desfecho polêmico - os produtores confirmaram: The Good Wife terá uma série derivada. Temporariamente sendo chamada de The Good Fight, um nome de peso foi confirmado na trama: Justin Bartha (Se Beber Não Se Case).

Justin dará vida ao galã, bem sucedido e cobiçado advogado Colin. O personagem terá diversos problemas com Lucca Quinn (Cush Jumbo), que não mais está na firma Lockhart & Lee após o desfecho de Alícia.

Contudo, como estamos acostumados, nem tudo eram rosas em The Good Wife - e certamente não serão em The Good Fight. Diane Lockhart (Christine Baranski), que continua na trama, torna-se mentora da jovem advogado Maia (Rose Leslie). A jovem, no entanto, não é tão promissora quando Alícia era e acaba envolvendo-se em fraude financeira. O escândalo destrói a reputação de Maia e Diane, que são obrigadas a procurar Lucca Quinn para se reerguerem na carreira.

A série marca grandes mudanças no universo criado por Robert e Michelle King (criadores de The Good Wife - e que participam como produtores e corroteiristas, não mais como responsáveis). Diane, personagem de força, terá que acostumar a ser apenas mais uma advogada e não mais sócia majoritária em uma firma que leva seu nome. A série também tem uma grande mudança: não contará com a presença ilustre de personagens icônicos, como a família Florrick e Cary Agos.

The Good Fight está em pré-produção e não possui título definitivo ou data para início de exibição.
Diego Piovesan escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook