Séries

Game Of Thrones: Natalie Dormer domina o painel da HBO na Comic Con Experience

A eterna Rainha Margaery esbanjou simpatia e bom humor


A Comic Con Experience 2016 trouxe diversas novidades e curiosidades do mundo de George R. R. Martin. Os fãs de Game Of Thrones visitaram exposições, participaram de exibições de hologramas que imitavam a abertura da série e também ficaram sabendo de detalhes na criação de storyboards, com Will Simpson, e de efeitos especiais, com Sven Martin. Mas o momento mais esperado no painel da HBO foi dela: a participação da atriz Natalie Dormer, a Margaery Tyrell.

Logo de início, Natalie declarou o amor pelos brasileiros e a surpresa pela quantidade de fãs da série no país: “Eu não imaginava tantos fãs no Brasil, vocês são demais e eu tive um dia ótimo. Os fãs são tudo, sem vocês não tenho trabalho, e meu trabalho é minha vida. Ou seja, vocês me dão a minha vida”, declarou.

A atriz esbanjou bom humor, carisma e inteligência ao responder as perguntas de Natália Bridi, do Omelete, falando sobre a vida pessoal, profissional, o cenário político e, obviamente, Game of Thrones.

O ponto alto do painel foi a declaração sobre o que ela deseja ver na continuação da série. “Quero ver Cersei sofrer, e muito. Ela vai ter o que merece, os Tyrell vão investir pesado em Daenerys, que é o certo a se fazer”.


Dormer revelou também que uma das cenas mais empolgantes de fazer foi a "cena da torta", que culminou na morte de um importante personagem. Com bom humor, a atriz diz ter ficado surpresa com a forma como encerrou a participação na série. "Bom, que eu ia morrer eu já esperava, todos ali morrem mais cedo ou mais tarde... era uma questão de como e quando. E.. bem.. boom!", disse em referência ao destino final de Margaery Tyrell.

Natalie Dormer em cena de Game of Thrones

Dormer declarou estar ciente do amor e carinho que os fãs tem com Margaery. A atriz afirmou não ter nenhum perfil em rede social "mas tenho pessoas de confiança que sempre estão de olho e me informam tudo o que está acontecendo, o que os fãs falam, o que estão achando...". Ela afirma que a decisão por não estar presente on-line vem muito antes de ficar famosa, quando decidiu manter a privacidade e evitar a dependência on-line. Quanto a sua personagem, ela diz ciente do fandom apoiar e torcer por Margaery e Loras Tyrell terem um caso. Ela afirmou estar contente por ser parte de uma série que trata de assuntos pouco explorados, como o incesto - mas de forma natural, não com banalidade visando apenas atrair telespectadores. A atriz diz que acredita no casal, mas de forma mais natural, romântico e saúdavel do que Cersei e Jaime.

Apesar de ser um painel de Game of Thrones, Bridi gastou boa parte do tempo com assuntos políticos, questionando Dormer sobre as eleições americanas - onde a atriz comparou Trump a Ramsey - e também sobre o machismo nas produções nacionais e internacionais. “Não importa se você tem um pênis ou uma vagina, o importante é contar boas histórias”, respondeu Dormer que ressaltou a importância de mulheres em papéis bem construídos e fortes na ficção. Para tanto, ela citou algumas obras que cumprem esse papel como: Jogos Vorazes (onde ela também atuou),  Game Of Thrones, Mad Max e Mulher Maravilha.


Para finalizar, Dormer agradeceu aos fãs e disse que pretende voltar ao Brasil mais vezes. Além disso, a atriz revelou que os próximos passos da carreira estão a co-produção de um filme com o marido, a finalização de um roteiro para um longa metragem e também a participação em outra produção. Ao ser questionada se seria uma série de proporções Hollywoodianas ou indie, Dormer fez mistério: "A verdade é que não importa o tamanho da série, mas sim o roteiro. Se trata-se de um roteiro forte e bem escrito. Isso é que faz a diferença, não o tamanho do orçamento ou de proporções da série" disse a atriz que afirmou ter uma fã base muito carinhosa e que a acompanha na carreira. "[Eles sabem que] meus papéis sempre são escolhidos com base na importância e na força do personagem. Amo a ideia de ficar mais velha e minha audiência crescer comigo”, finalizou a atriz.
Diego Piovesan escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook