Cinema

Coletiva de Imprensa: Por trás do Céu

Entrevista com equipe e elenco de Por Trás do Céu, o novo filme nacional


No último dia 28, nós do Geekblast fomos convidados para a Coletiva de Imprensa com elenco e equipe do longa brasileiro Por trás do Céu. Confira a seguir o bate papo com Caio Sóh, Denis Feijão, Nathalia Dill, Emílio Orciollo Netto e Paula Burlamaqui.


Geekblast: Como vocês trabalharam para criar o sotaque nordestino?

Nathalia: O sotaque acabou nascendo, mas não foi nada forçado ou imposto pelo Caio, foi mais como uma homenagem do que uma cópia do sotaque nordestino. O Renatinho (Renato Góes) dava um baile na gente porque ele é de lá.

Emílio: Foi divertido trabalhar, um compromisso descompromissado, um tesão com o nosso trabalho nesse filme. Tem palavras inventadas, algo especial.

Caio: Me questionaram porque eu escolhi a Nathalia e a Paula para fazerem duas nordestinas, respondi que tinha total confiança na capacidade delas, e que elas fariam o que eu precisasse.


Paula Burlamaqui, Emílio Orciollo Netto,  Caio Sóh, Nathalia Dill e Denis Feijão na coletiva de imprens

CAIO SÓH (diretor)

Caio Sóh, é diretor de Minutos Atrás (2014), e do futuro Canastra Suja, comenta sobre seu mais novo trabalho, Por trás do Céu (leia aqui);

O filme é muito poético, não me inspirei propositalmente em um poeta, mas meus gostos e experiências acabam transparecendo nas coisas que faço, como referências indiretas a Guimarães Rosa e Manoel de Barros.

Não é um filme que retrata o povo nordestino, e sim o povo (ser humano), apresento o sentimento seco e de solidão, como a criatividade pode surgir do meio da solidão, e como itens tão conhecidos para nós, como o chocolate, pode significar tanto para quem nunca viu ou experimentou.

Sobre o título, é um "movimento natural", um dia olhei para a lua, ela era tão bonita, e sentir que provavelmente estava rindo de nós. Me questionei: o que tem por trás do céu?E comecei a escrever.

A escolha do lugar (o sertão nordestino) pelos significados, as cores...o lugar nos escolheu, o céu de Lajeado de Pai Mateus era perfeito, intenção de fugir do verde. Aparecida (Nathalia Dill) é o céu (sonhadora), e Edvaldo (Emílio Orciollo Netto) é o chão (realista)

DENNIS FEIJÃO (produtor)

Eu estava querendo trabalhar em algo que envolvesse o sertão, o Emílio (Orciollo Netto) me indicou para o Caio (Sóh), e fechamos uma parceria.
Como produtor quero fazer coisas impossíveis. Envolvia textos poéticos e a retomada de gravar na "Roliúde Nordestina", que já foi cenário de vários filmes, séries e documentários. 


Elenco de Por Trás do Céu

EMÍLIO ORCIOLLO NETTO

Para fazer Edvaldo, em vez de construir, eu desconstruí o personagem.

O sucesso do resultado do filme é pela divisão de tarefas, nunca foi algo centralizado, tomamos as rédeas da nossa profissão, e fomos além da atuação.

Obs: os atores também contribuíram como equipe técnica na produção do filme.

NATHALIA DILL

Para fazer essa cena, eu me preparei, e tive muita sorte de ter uma equipe forte e talentosa comigo, sem eles eu não teria conseguido. Pediram para eu fazer uma entrevista depois, mas eu precisei de um tempo porque a cena foi muito forte.

Obs: nome da cena não mencionado, pois é o motivo central da história dos protagonistas.

Por Trás do Céu é um filme feminista. Essa visão bonita de seguir em frente apesar dos acontecimentos, é pelos sonhos. Por que ficar no passado?

PAULA BURLAMAQUI

Tivemos total liberdade de expressão. Os primeiros ensaios aconteceram no Rio, na sala de jantar do Caio (Sóh). Ele já sabia o que e como queria, foi costurando isso e nos deixando a vontade. Foi uma troca, nos tornamos uma família de amigos.


Não perca Por Trás do Céu nos cinemas, estreia em 06 de abril.
Polly Wannele é nordestina, arquiteta, viajante, cinéfila, leitora e viúva de Han Solo. É uma Jedi, mas todos falam que é uma Sith por ter gênio do capiroto.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook