LivrosMangás

As melhores e piores leituras de fevereiro

As melhores e piores leituras feitas durante o mês de carnaval.


Fevereiro é o mês de carnaval, último resquício de férias e de muito calor. No meio disso a gente tenta colocar a leitura em dia, uma tarefa impossível é claro. Segue então breves resenhas dos melhores e piores que foram lidos nesse mês, mas não necessariamente lançado em fevereiro.



Sem mais delongas, vamos lá.

Melhores


Star Wars: Crise de fé





Escrito por Timothy Zahn o conto apresenta o almirante Thrawn em um período pré trilogia Thrawn e mostra toda a genialidade do almirante. Mesmo se passando antes da trilogia de livros é aconselhado que se leia esse conto depois de ler a trilogia, pois o conto não se propõe a explicar quem é o almirante, só desenvolve sua genialidade por meio da trama. Timothy Zahn é o criador do personagem e por isso sabe lidar com ele muito bem. Até o momento, o conto só está disponível para quem comprar o box da Trilogia Thrawn.

Old!Gamer coleção consoles volumes 3, 4 e 5





Os três livros podem ser divididos em duas partes: Primeiro é apresentado o videogame, a criação, os acessórios e as personalidades envolvidas com ele; E uma segunda parte, que ocupa mais da metade dos livros, com os principais jogos lançados para as plataformas (mais de 500 jogos para cada plataforma). Os livros são, respectivamente, sobre o PlayStation, o Mega Drive e o MSX. Leitura recomendada para quem gosta de se aprofundar no mundo dos games, mas o preço salgado pode afastar compradores.

Street Fighter: Sakura Ganbaru! Nº1




A famosa série de luta da Capcom é apresentada nesse mangá sem profundidade, mas muito divertido. Com uma trama simples e boas cenas de ação a obra apresenta diversos personagens envolvidos na série de jogos de luta e seus derivados, como Final Fight e Rival Schools, altamente recomendado para os amantes dos jogos.

Conan: A Lenda



O encadernado reúne aventuras fechadas e minisséries de Conan, o cimério e como toda publicação envolvendo Conan o nível das histórias é alto. O destaque da edição fica por conta de A Torre de Tara-Teth com roteiro de Kurt Busiek e belíssima arte por Rafael Kayanan, onde Conan precisa subir uma torre para pegar uma árvore mística, árvore essa que serviria para salvar uma vila de uma enfermidade, mas no fim da história descobrimos o verdadeiro motivo do Conan subir a torre e pegar a árvore, mostrando a real faceta do cimério. Outra história de destaque, mas esse bem curta, é A Anedota Predileta de Conan, com roteiros de Kurt Busiek e arte de Bruce Timm. A história se destaca principalmente pela arte de Bruce Timm, arte essa que você deve conhecer bem, pois ele é o responsável pelo visual de desenhos como Liga da Justiça por exemplo. A arte claramente inspirada em antigos mestres como Jack Kirby, por exemplo, se destaca principalmente por conta das expressões faciais muito bem desenhadas e expressivas. Pra quem gosta de Conan, ou de aventuras e RPG’s, essa é uma publicação recomendada.

Doutor Estranho nº1 enº 2



Grata surpresa essa revista mensal. Escrita por um dos melhores roteiristas de quadrinhos da atualidade, Jason Aaron, a história foge dos padrões habituais do Doutor Estranho, com um tom mais leve apresenta novos personagens além de aprofundar mais do mundo místico da Marvel. Cada edição nacional apresenta duas edições americanas, compra recomendada para quem gosta do personagem e para quem gosta de boas histórias.


Star Wars nº 14 e Star Wars: Darth Vader nº 14




Segue a saga “A Queda de Vader”, presente nas duas revistas, mantendo o nível de qualidade das anteriores. Na revista Star Wars temos também uma história mostrando o passado de Luke e Obi Wan, mostrado o Jedi protegendo seu futuro aprendiz. Já na revista Star Wars Darth Vader temos a segunda parte da história que tem Chewbacca como personagem principal que consegue manter um bom ritmo. Para quem é fã de Star Wars essas duas revistas são obrigatórias, pois complementam o que foi visto nos filmes. A editora Panini acertou ao lançar todo o material em quadrinhos do novo cânone de Star Wars no interior dessas duas revistas.

Arqueiro Verde - O Espírito da Flecha: Parte 2



Segunda e última parte da saga Espírito da Flecha que apresenta o retorno aos vivos do Arqueiro Verde. Escrito pelo cineastra nerd Kevin Smith e desenhada pelo notório Phil Hester temos a conclusão do arco, o interessante é que Kevin Smith tem um domínio muito grande do universo DC, introduzindo diversos personagens secundários como o demônio Etrigan e o Batman, por exemplo, de forma coesa, sem parecer algo forçado. Se você conhece o Arqueiro unicamente pela série de TV essa pode ser uma boa porta de entrada para o mundo dos quadrinhos do personagem

A Essência do Medo: Parte Dois



Quando os filmes do Thor e do Capitão América ganharam os cinemas a Marvel encomendou de seus escritores uma mega saga centrada nos dois personagens, assim nascia “A Essência do Medo”. Para muito essa é uma saga ruim, mas eu discordo, pode não ser uma saga muito memorável, mas achei uma leitura agradável, que inclusive apresenta mudanças significativas para o universo Marvel na época, como a morte de importantes personagens, mas infelizmente muitos pontos são mal aproveitados, sendo muito corridos, com personagens mal desenvolvidos. Se você procura uma leitura leve para passar o tempo é mais do que recomendado.

Piores

Bleach nº 72



Um mangá que muito me agradava no passado infelizmente continua a cair de qualidade. O autor parece cada vez mais preguiçoso, desenhos sem nenhum cenário de fundo tomam conta da edição e sempre num momento de climax alguém surge com uma técnica nova que acabará com a luta, até o adversário surgir com outra técnica que vai acabar com a luta e assim por diante. Uma leitura muito rápida, só continuo a acompanhar pois já está perto do fim.

E vocês? O que leram no mês passado? Concordam com minha opinião sobre os melhores e piores? Comentem!
João Victor escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook