AnimesMangás

As 7 mais loucas fanfics de Pokémon

Que Arceus salve o Pikachu!


Não há barreiras para a imaginação. A prova disso são as inúmeras fanfics sem fim que diariamente inundam a internet. Algumas dessas histórias baseadas no roteiro original merecem a atenção e prêmios, já que apresentam roteiros dignos de Hollywood. No entanto, outras, perdem a noção do bom senso - mas garantem boas risadas. Nós separamos para você algumas das mais loucas histórias de fãs envolvendo o universo Pokémon. Aproveitem!


Pokémon e House


Like Rattatas from a Sinking Ship, disponível no fanfiction.net, realiza o crossover entre dois universos jamais imagináveis: a série medica House e os Pokemon. Nessa história de tirar o fôlego, o excêntrico médico House utiliza os companheiros de aventura para experimentos clínicos e também no diagnóstico aos pacientes. Mas, dessa vez, House pode ter passado dos limites ao utilizar um Rattata em tratamentos experimentais e corre o risco de ser mandado embora.

A envolvente trama, apesar de cômica, também aborda de forma rápida a reflexão sobre os males da utilização do trabalho escravo Pokemon. Praticamente um best-seller. Clique aqui para ler.

Ash encontra o Tinder



Quem acompanha o anime de Pokemon nos últimos anos sabe que Ash Ketchum não tem sorte para o amor. O garoto sempre está acompanhado de garotas, como Misty e Serena. Algumas delas até mostram interesse no rapaz, mas nada acontece. A realidade aqui é outra em Ash e as 7 garotas elementais. Nessa história, o dono do Pikachu é assediado por garotas que disputam de qualquer forma uma chance de beijá-lo - e outras coisas mais. A comédia traz de volta personagens icônicos da série, como Dawn, Iris e Sabrina, além do rival Gary Carvalho. É, no mínimo, diferente. Clique aqui para ler.

Pikachussexual


"Ame, não importa a raça". É assim que Pikachussexual inicia a complicada trama. Nesse best-seller virtual, o rato elétrico é um humano que é capturado por um príncipe tarado. As aventuras, indicadas para maiores de 18 anos, passa do pitoresco ao cômico - mas com nuances que podem traumatizar toda a boa memória que você tem dos monstrinhos de bolso. Para ler, por sua conta e risco, clique aqui.

O Pikachu Gótico Suave


A era emo não acabou. Nessa distopia somos levados a um mundo onde o emo predomina. Entre os habitantes um membro de franja destaca-se: Pikachu. O Pokémon usa e abusa de lápis no olho, roupas negras e é perseguido por uma nova geração de Jessie e James: os NaziRockets. E isso não é tudo. Ash torna-se um anjo negro das trevas. Leia essa loucura aqui.

iPokémon


A mais suave, simpática e infantil história dessa lista está em iGo to the Sinooh Region, que mistura iCarly e os monstrinhos mais amados do mundo. Na história, Carly e seus amigos viajam pelo mundo Pokémon com o objetivo de chegar até Sinooh e gravar diversos programas especiais ao lado dos mais diversos Pokémon. A história tem três capítulos, está em inglês, e pode ser lida aqui

Hogwarts: o acampamento meio-sangue de Pokémon


Não faltou inspiração nessa fanfic de dois capítulos que mistura Harry Potter, Pokémon e Percy Jackson. A história se passa simultaneamente no multiverso que une as tramas e invoca batalhas de semi-deuses com feitiços e muito choque do trovão. A mistura é tão intrigante que vale a pena dar uma olhada aqui.

Ash x Red: uma história sem fim


O que começou com uma tentativa de deixar a trama de Pokémon mais adulto evoluiu para uma trama de intrigas, acusações e muito, muito mesmo, desencontro de informações. Entre Nintendo 3DS vendido, suposto processo da The Pokemon Cia e uma mutação da fic para livro, depois para jogo, depois para fábula, depois para... inúmeras coisas, acabou no limbo. Este projeto brasileiro nadou, nadou e morreu na praia. Foi realmente um tapa na cara de Arceus dado por Celebi. Trechos da história estavam disponíveis na internet, mas o autor retirou do ar.


Já se deparou com alguma história absurda ou inusitada de Pokémon? Conte para nós nos comentários!

Diego Piovesan escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook