Cinema

Liga da Justiça - Figurinista explica o porque o uniforme preto do Superman foi cortado do filme

Uniforme não ia se encaixar no tom do filme diz figurinista.


Sabemos que a produção do filme Liga da Justiça foi bem problemática até seu lançamento. E o figurinista Michael Wilkinson deu um explicação do porque o uniforme preto do Superman foi cortado da edição final para o cinema.


Confira :

"O uniforme preto era algo que nos fascinava desde o início. Nós vimos um pouco dela na cena de pesadelo de Homem de Aço, e também na cena deletada de Liga da Justiça quando você vê Clark andando na nave e ela está no fundo.
Quando estávamos aprontando Liga da Justiça, pareceu que seria uma escolha lógica quando ele é ressuscitado. Zack é extremamente respeitoso e apaixonado pelo Superman nos quadrinhos, e tradicionalmente quando ele volta, ele está no uniforme preto.

Mas quando o tom do filme se desenvolveu e estávamos na pré-produção, os cineastas sentiram que o traje azul e vermelho parecia mais apropriado para a nossa história e nosso roteiro. Parecia mais positivo, uma imagem mais do Superman que era necessário - como uma ideia de esperança de que o mundo poderia ser salvo, isto era mais importante. Então fomos nesta direção".

Não sabemos se o herói vestiu o uniforme mas em uma cena deletada do filme que foi lançada mostra que ele realmente existiu no roteiro.


O uniforme apareceu pela primeira vez em " O RETORNO DE SUPERMAN" em 1990.


Gostaria de ter visto o uniforme no filme ?


                                                                                                                                        Fonte: Omelete
Murilo Barroso escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook