Cinema

Crítica: De Encontro Com a Vida, a volta das boas comédias românticas

Uma comedia alemã romantica e otimista para quem procura filmes leves.

Nos últimos tempos aumentaram o número de filmes baseados em pessoas reais. Nesta mesma onda surge então o filme alemão inspirado no livro biográfico de Saliya Kahawatte. O cinema alemão nem sempre tem grande distribuição nos cinemas brasileiros e De encontro com a Vida é um bom filme para se iniciar nos filmes alemães.


Saliya (Kostja Ullmann) perde quase toda a visão durante a adolescência e vê seu sonho de tornar-se gerente de hotel ir por água abaixo quando, apesar de se formar em uma escola comum, não consegue emprego de aprendiz. Em uma jogada arriscada, ele decide candidatar-se à um último hotel, sem contar sobre sua deficiência. Com um plano elaborado e muita ajuda de seus amigos, principalmente Max (Jacob Matscherz).


Por mais incrível que pareça o plano funciona, até Saliya conhecer Laura (Anna Maria Mühe). Tentando não ser descoberto por sua nova paixão e usando seus outros sentidos ele percebe que é capaz de realizar seu sonho e tenta alcançar mais do que poderia, apesar do que os outros dizem e que com amigos todos podemos ir longe.

Como filme inspiracional pode ser uma trama fraca para quem está acostumado com Estrelas Além do Tempo e A Garota Dinamarquesa, porém como comédia romântica o filme é um frescor bem vindo para nos afastar de tantas notícias ruins sobre pessoas reais que são realmente más. A trama nos encoraja a acreditar mais no ser humano e para quem era fã dos filmes da Meg Ryan e Tom Hanks é um pezinho na nostalgia e ajuda a matar a saudade desse gênero que anda carente nos últimos tempos.

O idioma pode causar um estranhamento inicial, mas para se familiarizar com o cinema alemão é uma boa começar por um filme leve e que nos dá um quentinho no coração sobre as relações humanas.

Ficha Técnica


Nome: De encontro com a vida
Nome Original: Mein Blind Date mit dem Leben
Origem: Alemanha
Ano de produção: 2017
Lançamento: 19 de Abril de 2018
Gênero:  Biografia, Comédia
Classificação: 14 anos
Direção: Marc Rothemund
Elenco:  Kostja Ullmann; Jacob Matschenz; Anna Maria Mühe

Lais Tigre escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook