Séries

Bryan Cranston comenta momento não roteirizado de Breaking Bad

Em entrevista ao The Ringer, Cranston relembrou a cena em que sequestrou sua filha Holly



Não precisamos nem entrar em detalhes para dizer que Breaking Bad é uma das melhores séries já feitas - só o fato de ter inúmeros prêmios, incluindo dez Emmys, já diz muito sobre isso. E, em uma entrevista recente, o ator Bryan Cranston, que faz o papel do protagonista Walter White, comentou um dos melhores episódios (se não o melhor) da série, o antepenúltimo da última temporada, Ozymandias.


Em Ozymandias, durante 47 minutos, acompanhamos White orquestrar a morte de Hank Schrader, seu cunhado e agente do DEA, trair seu companheiro Jesse Pinkman, falhar ao tentar abusivamente convencer sua esposa, Skyler, e seu filho, Walter Jr., a se juntarem a ele em sua fuga, e, finalmente, sequestrar sua filha, a bebê Holly. Todos esses plot twists, inclusive, fizeram o autor de Game of Thrones, George R. R. Martin, comentar que "Walter White é um monstro maior do que qualquer pessoa em Westeros".

Em entrevista ao site The Ringer, os produtores, o diretor e alguns atores da série conversaram sobre esse episódio, em especial um momento não roteirizado. Cranston relembrou o momento, no fim do episódio, em que a atriz mirim que interpretava sua filha Holly começa a chamar pela mãe: "nós estávamos filmando aquela cena no banheiro, comigo e com a bebê, e foi a primeira vez que nós falamos 'ok, vamos fazer isso', e nós gentilmente pegamos a bebê. E então ela começou a falar 'mamãe, mamãe'". A produtora, Melissa Bernstein, comentou que parecia que a bebê de alguma forma sabia o que estava acontecendo naquela cena.

O diretor, Rian Johnson, disse que "esse é um daqueles momentos de muita sorte que você provavelmente não vai ter outra vez na sua vida inteira. Quando ela começou a falar, nós todos nos olhamos, como se falássemos 'Ai meu deus! Bryan, por favor não saia do personagem'". A roteirista do episódio, Moira Walley-Beckett, também comentou que "o que era extraordinário é que Bryan continuou na cena, sabe? E aquilo partiu seu coração. Foi muito mais do que eu consegui imaginar quando escrevi [esse episódio]". E Vince Gilligan, criador e produtor da série, também comentou que "essa foi uma das melhores performances em toda a série. Aquela bebê parecia tão triste. Mas eu garanto, nenhum bebê foi machucado nesse episódio".

Ozymandias, além de ter sido o episódio mais assistido de Breaking Bad, foi nomeado pela revista Time com o primeiro lugar na lista dos top 10 melhores episódios de série de 2013, foi escolhido pela revista TV Guide como o melhor episódio do século 21 e também sustentou uma nota 10 no IMDb por três dias, com mais de 12.000 reviews, antes de cair para nota 9.9.

Marcela Souto escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook