Séries

Punho de Ferro: Me desculpem, mas temos que falar das lutas da série

As lutas decepcionaram quem esperava belas cenas de ação e artes marciais em Punho de Ferro.

Para muitos a série do Punho de Ferro não é tão boa quanto o esperado, muitos culpam as cenas de ação, achando elas fracas, o que é imperdoável para um personagem que é um dos principais artistas marciais do universo Marvel.

Para analisarmos as cenas de luta do seriado e entendermos os problemas vamos ver uma das batalhas que acontece no quarto episódio que tinha tudo para ser uma das mais memoráveis, se quiser evitar spoilers não veja.


Agora para comparação vamos pegar uma cena de luta de um dos melhores atores do cinema de artes marciais em seu auge, Jackie Chan.


O primeiro ponto que temos que destacar, e talvez o principal, é a rapidez. Artistas marciais tendem a ser rápidos, Jackie Chan consegue fazer esse tipo de cena muito bem, como podemos ver acima, já o Punho de Ferro, que é um dos maiores mestres das artes marciais de todo o universo Marvel, é lento, inclusive mais lento que outros personagens do universo cinematográfico da Marvel como o Demolidor. Veja uma cena que comprova o que foi dito.


A lentidão do personagem Punho de Ferro é um absurdo, tendo em vista que o seu extenso treinamento durante anos deveria lhe conceder mais preparo físico e habilidade para lutas que o Demolidor, mas não é isso que vemos. A lentidão de Daniel Rand é ainda acentuada com a quantidade de câmera lenta que as cenas de ação possuem, quebrando ainda mais o ritmo de uma luta que já é lenta e entediante.

As cenas de luta de Punho de Ferro também apresentam muitos cortes, o que novamente quebra o ritmo das batalhas. A justificativa disso é baratear o custo da produção, pois filmar várias cenas curtas e depois "colar" uma na outra evita a perda de muito material caso algo saia errado, bastando filmar a curta cena novamente.Mas veja novamente a cena do filme do Jackie Chan para poder comparar, percebam como as longas cenas valorizam a ação e a habilidade do ator, você percebe melhor o impacto dos golpes, os atores tem tempo de interpretar enquanto lutam e a sequência apresenta fluidez.

A questão da interpretação durante a ação também é importante, vamos pegar a cena do segundo filme do Capitão América para compara, que inclusive também é uma cena no elevador.


O cenário interfere e é utilizado na luta, enquanto que na cena do Punho de Ferro, só o que temos é um espaço pequeno, uma cena de luta sem inspiração que poderia muito bem ter acontecido em qualquer lugar, ela ser dentro de um elevador em nada acrescenta para a cena.

Punho de Ferro é uma série ruim? Muito gente acha que sim, eu particularmente acho que é apenas uma série mediana, sem nenhum grande atrativo, mas ainda não terminei a série para poder dar um veredito, mas recomendo que vejam para poder tirarem as próprias conclusões.

E você, pretende ver a série? Se já viu o que achou? Diga nos comentários.
João Victor escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook