Cinema

Critica: Um Lugar Silencioso, tenso, inquietante e sufocante

Filme quase sem falas conquista pela tensão

Em seu terceiro filme como diretor, John Krasinski surpreende com tensão na medida certa. Ator conhecido pelo extinto seriado The Office, fez excelente trabalho com filme de orçamento modesto e cenas assustadoras.


O novo filme da Paramount, Um Lugar Silencioso, vem recebendo ótimas criticas por conter uma tensão que há muito tempo não era explorada pelos filmes de Hollywood. Em um futuro onde criaturas cegas atacaram a humanidade, o filme conta a história de uma família de sobreviventes que teve de descobrir maneiras de viver sem fazer sons, para não atrair as criaturas.

A tensão do filme é causada pela mixagem de som, as batidas do coração aumentadas, o silêncio inquietante. A história deixa algumas perguntas no ar. De onde vieram? O que ele querem? Mas a trama em si cumpre o prometido, um filme tenso e com uma temática relativamente nova, embora seja possível notar semelhanças com o Demogorgon.


A família mostrada no filme sofre uma grande perda e isso causa tensões que podem ser ainda piores em uma realidade onde viver junto garante a sobrevivência. O filme tem uma complicação ainda maior, a mulher, Emily Blunt, está grávida e não pode fazer barulho e nem o bebê pode chorar alto, essa situação e o eminente encontro com as criaturas deixa o clima do filme ainda mais tenso.


A solução para o problema das criaturas, sem dar spoilers, é bem interessante e quando os personagens descobrem ficamos muito curiosos para saber como ficará o mundo depois.
Uma curiosidade interessante sobre o filme é que a atriz que interpreta a filha mais velha, Millicent Simmonds, é deficiente auditiva de verdade. Sua personagem tem cenas bem importantes e sua condição a deixa segura pois não emite som e ao mesmo tempo em situações de perigo, por não ouvir as criaturas se aproximarem.

O filme tem um final controverso, mas com os dois primeiros atos cumprindo muito bem a premissa de tensão e suspense, já vale muito a pena assistir!

Curiosidades


Foi a primeira vez que o casal Emily Blunt e John Krasinski atuaram juntos, a atriz que é mãe de um bebê recém-nascido, não era cotada para viver Evelyn. Quando leu o roteiro escrito a seis mãos por seu marido Krasinski, Bryan Woods e Scott Beck, Blunt se apaixonou pela história e se ofereceu para dar vida a Evelyn.

"O que me levou a amar o roteiro foi o fato de ter me envolvido como mãe com alguns dos medos mais profundos de não se sentir capaz de proteger os próprios filhos. Tudo parece tão arriscado nessa história que li correndo para chegar ao fim", recorda Emily. "Ironicamente, antes de ler o roteiro, eu tinha sugerido a John que uma amiga minha seria a pessoa adequada ao papel de Evelyn. Mas enquanto estava lendo, pensei: 'retiro o que eu disse, preciso interpretar esse papel'. Adorei a profundidade e a beleza da história, que vai além do clima de terror. Além disso, eu e John nunca tínhamos trabalhado juntos, então foi empolgante".

Para viver a filha deficiente auditiva dos Abbotts, em Um Lugar Silencioso, o diretor e protagonista John Krasinski queria uma atriz que pudesse transmitir uma verdade. Por isso, um dos grandes desafios de produção foi encontrar a pessoa ideal para interpretar Regan, segundo Krasinski, que sempre quis uma atriz deficiente auditiva para o papel.




Me deparar com Millicent Simmonds foi uma das melhores coisas que aconteceram nesse filme - conta. "Não só porque ela é uma atriz fenomenal, não só porque ela é a pessoa mais sensata e angelical que existe, mas porque ela foi tão generosa com suas experiências e conhecimento da cultura dos surdos e da linguagem de sinais. Ela nunca se sentia intimidada, costumava dizer na lata como Regan ia fazer as coisas e que era assim que se comunicava", elogia o diretor.

Quando eu conversava com Millie, percebia que nunca tinha olhado para uma pessoa por inteiro do jeito que ela faz", analisa. "Nunca vi ninguém enxergar todo o meu ser e absorver quem eu sou. Ela olhava minhas mãos, minhas sobrancelhas, estava de fato lendo minhas emoções. Eu quase chorava todo santo dia porque ela observa você inteiro e isso tem algo de poético e comovente. Era muito importante para a gente estar à altura dela porque ela tem uma alma linda", derrete-se.

Ficha Técnica


Nome: Um Lugar Silencioso
Nome Original: A Quiet Place
Origem: EUA
Ano de produção: 2018
Lançamento: 5 de Abril de 2018
Gênero:  Suspense
Classificação: 14 anos
Direção: John Krasinski
Elenco Emily Blunt, John Krasinski, Millicent Simmonds, Noah Jupe
Lais Tigre escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook