Cinema

Crítica: Venom o filme do vilão que queria ser herói

Controverso filme de um dos vilões do Homem-Aranha chega para dividir opiniões


Um filme que, por sua concepção, já estaria fadado ao fracasso é Venom. A ideia de fazer um filme sobre o vilão do Homem-Aranha sem o teioso aparecer, é impraticável. Venom chega aos cinemas neste dia 4 (quatro) de outubro para acabar com essas críticas.


Na história, Eddie Brock (Tom Hardy) é um jornalista que investiga o misterioso trabalho de um cientista, suspeito de utilizar cobaias humanas em experimentos mortais. Quando ele acaba entrando em contato com um simbionte alienígena, Eddie se torna Venom, uma máquina de matar incontrolável, que nem ele pode conter.


O filme está longe de ser perfeito, não é o filme Marvel do ano mas, não é uma bomba como muitos falam. O longa traz uma boa história, algumas referências sutis como a origem do Venom que já foi mostrada desta forma na TV. Afinal seria impossível apresentar a origem real do simbionte que, para quem não sabe, surgiu em uma saga chamada Guerras Secretas, na ocasião o Homem-Aranha usava como um uniforme inteligente sem saber que era um alienígena em busca de um hospedeiro.


A trama toda se passa em São Francisco, vemos aí a clara tentativa de desvincular o vilão do "Spiderverso". Em determinado momento, é citado Nova York e um tal de Globo Diário (sim, esperei que fosse o Clarim) e como Eddie se deu mal com alguma reportagem. Até mesmo a aranha no peito do personagem não tem para deixá-lo "livre" da sua verdadeira origem.

Os filmes de origem que levam o selo Marvel tem aquela jornada do herói que, ao meu ver, cansa um pouco. Outra coisa sempre presente nos filmes de origem Marvel é o fato do antagonista ter o mesmo poder do protagonista, como se dissesse: você precisa vencer você mesmo para se convencer do herói que vai ser.


Os efeitos especiais estão muito bons, a liquidez do simbionte ficou bem desenvolvida e plausível, as cenas de perseguição em São Francisco (meio óbvio ter um filme de ação em São Francisco e ter perseguição nas ladeiras), funcionam bem, principalmente pela interação do simbionte com Eddie, neste momento começamos a ver o Venom surgir. Outro ponto positivo do filme é a trama não ser levada para um tom sombrio, tem muitas cenas que te arrancam risadas.

Venom é um bom filme porém está longe de ser a perfeição cinematográfica do ano, é mais um filme genérico de super-herói, mas vale a pena assistir e não decepciona.

Ficha Técnica


Nome: Venom
Nome Original: Venom
Origem: EUA
Ano de produção: 2018
Gênero: Ação, Ficção científica, Aventura
Classificação: 12 anos
Direção: Ruben Fleischer
Elenco: Tom Hardy, Michelle Williams, Riz Ahmed
Fabio Camilo é bacharel em Comunicação Social com especialização em Rádio, TV e Vídeo, roteirista, poeta, viciado/apaixonado por filmes, séries e quadrinhos, cansado de esperar pela carta de Hogwarts, agora treina para ser um sith ou uma chance de ser chamado para Hollywood.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook