Crítica: Era Uma Vez... Em Hollywood é um presente aos amantes de cinema

Oitavo filme do diretor Quentin Tarantino traz seu amor e sua paixão pelo cinema


O oitavo longa do diretor Quentin Tarantino chega aos cinemas para demonstrar o amor que o diretor tem pelo cinema. Com personagens marcantes e uma história cativante, o longa retrata a vida hollywoodiana da década de 1960.


Na história temos Rick Dalton (Leonardo DiCaprio), um ator decadente preso ao estigma de interpretar sempre um vilão, junto com seu dublê e melhor amigo, Cliff Booth (Brad Pitt) buscando se adaptar às mudanças que Hollywood vem sofrendo no final da década de 1960. O filme traz diversas pessoas famosas como Sharon Tate, Roman Polanski, Bruce Lee, Charles Manson, entre outros.


Mantendo a narrativa não-linear sempre presente em seus filmes, Tarantino mostra sua paixão por cinema em cada quadro. As referências pipocam na tela, a família Manson sendo apresentada e, quem sabe da história desta família, fica apontando para a tela falando "olha ele, olha isso".

A trilha sonora sempre trazendo um show a parte, artistas como Led Zeppelin, The Mamas & The Papas, Rolling Stones e Deep Purple, compõe a trama nos momentos certos.

Confira abaixo:



O filme narra a história dos personagens simultaneamente até o dia 9 de agosto de 1969. Porém mesmo com tanto amor e paixão, em alguns momentos o ritmo do filme se torna cansativo e é possível sentir o peso das 2h e 45min de filme, principalmente no segundo ato. Mesmo com esses erros o filme tem um desfecho de tirar o fôlego

Personagens Principais


Rick Dalton


Leonardo DiCaprio está brilhante na pele do ator Rick Dalton, a metalinguagem que ele traz no longa é simplesmente brilhante. Rick Dalton é um brilhante ator e se entrega com paixão e voracidade aos seus papéis, em contrapartida, longe das câmeras ele é inseguro, alcoólatra e dependente de seu amigo Cliff.

Leonardo DiCaprio traz referências a diversos atores famosos como: Steve McQueen, Ty Hardin, Pete Duel e Edd Byrnes.

Cliff Booth


Brad Pitt tem um personagem mais contido, Cliff é dublê de Rick e seu faz-tudo, a importância de Cliff para a trama é essencial, principalmente no arco da família Manson. As cenas de ação em que o personagem participa são sequências de tirar o fôlego. Um dos momentos mais cômicos do filme é protagonizado pelo encontro de Cliff e o astro Bruce Lee.

Sharon Tate


Margot Robbie compõe o trio protagonista do filme. Sharon Tate na trama é a típica garota rica deslumbrada com o mundo do entretenimento. A personagem apresentada por Margot Robbie se mostra muito ingênua e meio infantil em alguns momentos.

Conclusão


Era Uma Vez em Hollywood é um ótimo filme para os amantes do cinema e para os fãs de Tarantino porém tem o mesmo problema de tempo arrastado em alguns momentos assim como Os Oito Odiados. 

Ficha Técnica


Título: Era uma vez... em Hollywood
Nome Original: Once upon a time... in Hollywood
Ano produção: 2019
Direção:  Quentin Tarantino
Estreia: 15 de agosto de 2019
Classificação: 14 anos
Gênero: Comédia, Drama
Países de Origem: EUA
Elenco: Leonardo DiCaprio, Brad Pitt, Margot Robbie, Al Pacino, Dakota Fanning, Damian Lewis, Emile Hirsch

Escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook