Cinema

Tom Cruise o ator que não usa dublês.

Tom é um dois poucos que nao querer usar dubles para fazer cenas perigosas.


Alem de A Múmia o ator Tom Cruise também estrela esse ano o filme Feito da America onde interpreta um piloto contratado da CIA para se infiltrar no cartel de tráfico da Colômbia. O curioso é que Tom realmente pilota um avião no filme pois foi isso que o diretor do filme Doug Liman, que trabalhou com o ator em O Limite do Amanha.



"Tom realmente pilotou os aviões durante a produção. Ele não acredita em CGI, por isso que as cenas de ação nos filmes dele são tão visuais e espetaculares. Ele sempre esta comprometido a realizar as cenas de verdade e consegue os recursos para fazer isso". Afirmou o diretor para o site Omelete
Listamos aqui algumas cenas onde Tom Cruise dispensou seu dublê para realizar a ação.

Se segurar em um avião



Em Missão Impossível 5: Nação Secreta logo em sua cena de entrada vemos o agente Ethan Hunt (Tom Cruise) e sua equipe, estão em uma grande missão para impedir terroristas de levar armas de gás, é onde o personagem precisa entrar em um avião que está em pleno vôo. Tom realmente teve que se segurar na porta de um avião do lado de fora enquanto voava, a equipe apenas amarrou um cabo em sua cintura bem próximo a parede do avião para que seu corpo não ficasse batendo, e lentes de contato foram colocadas nos olhos de Cruise para que nada o machucasse.

Luta e até faca no olho



Um dos momentos mais legais de Missão Impossível 2 é a luta entre Ethan Hunt e Sean Ambrose (Douglay Scott) tudo isso graças a vontade de Tom em gravar a luta com luta e força o mais realista possível. O próprio Cruise pediu para Douglay usar toda a força que tinha para a cena ficar mais real. Tom então instituiu que a parte onde o personagem de Scott tentasse enfiar uma faca em seu olho fosse tontamente real e praticamente sem ensaios ou cortes.

Dirigir uma moto em alta velocidade



No filme Encontro Explosivo Tom Cruise era o típico soldado/Agente perfeito, ele lutava, atirava, se escondia bem e encantava as donzelas em perigos. Com todas essa habilidades não podia faltar a de bom piloto, talento comprovado neste filme onde em uma das cenas ele dirigia uma moto em alta velocidade  com Cameron Diaz, que fazia seu par romântico, na garupa. Tom Cruise realmente gravou a cena e dirigiu a moto tendo toda a confiança da atriz que estava em sua garupa. O engraçado é que essa cena nasceu após um sonho que Tom Cruise teve e depois ligou para o diretor do filme James Mangold (LOGAN)  dizendo que a cena tinha que ser feita .

Gravidade abaixo de 0


Em seu novo filme o remake A Múmia, Tom interpreta Nick Morton que, junto com uma equipe, recupera uma múmia que estava enterrada a milhares de anos, o problema é que essa múmia despertou com grandes poderes aterrorizando o mundo. A cena do acidente de avião que podemos ver no trailer do filme  foi gravada em um foguete que em um certo tempo ficava em gravidade 0, Tom mais uma vez insistiu muito  para que o diretor fizesse assim já que ele mesmo acreditava que era possível.

Escalar o maior prédio do mundo


Em Missão Impossível: Protocolo Fantasma foi criada com certeza uma das cenas mais arriscadas da história onde Tom simplesmente escalou o maior prédio do mundo o Burj Khalifa localizado em Dubai. Por não ter onde se segurar caso caísse, Tom teve um aumento no seguro e no salário por conta dessa cena. A cena foi muito bem elogiada e se ela fosse feita com efeitos especiais o resultado seria outro e não teria toda a magia que teve no filme.

E ai faltou alguma cena? (Eu sei que faltou) Diz ai se você lembra de alguma ou qual foi a mais marcante para vocês.

Murilo Barroso escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.
Este texto não representa a opinião do GeekBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook