Crítica: Brightburn - Filho das Trevas e o terror com superman do mau

James Gunn traz terror com alternativa do mau de um super-héroi.


Um filme iniciado com a premissa: E se… E se o Superman viesse para a Terra para tomá-la? Provavelmente foi com essa pergunta que Brian e Mark Gunn iniciaram o roteiro Brightburn - Filho das Trevas.
O terror produzido por James Gunn e escrito por seu irmão e primo, mostra o que aconteceria se ao invés de herói, o Superman fosse um psicopata enviado para dominar todos.


O filme mistura dois elementos que James Gunn gosta muito, terror e super-heróis, mas ao contrario do que tem saído em muitos sites, Brightburn não é sobre um anti-herói. Ele pode ser considerado um vilão, sanguinolento e com traços psicopatia. E o filme separa bem as duas fases do menino Brandon (Jackson Dunn).

Tori (Elizabeth Banks) e Kyle (David Dennan) não conseguem ter filhos, numa noite uma chuva de meteoros cai no Kansas e na pequena cidade de Brightburn cai uma nave com um bebê, que o casal adota como se fosse um presente vindo do céu.

Logo no começo do filme percebemos que Brandon é diferente, inteligente e um pouco isolado. Ele tem uma boa relação com os pais, principalmente com a mãe, que faria qualquer coisa pelo filho e fica sempre em negação quando ele começa a demonstrar os primeiros traços de ser psicopata.
Perto do seu aniversário de 12 anos, Brandon começa a mudar e o filme que já é tenso fica ainda mais com cara de terror.


A direção ficou por conta de David Yarovesky (A Colmeia), segundo filme dirigido por ele. O diretor criou cenas tensas e agonizantes. O roteiro não segue pelo mais fácil, deixando um final surpreendente (atenção para o pós-créditos). Algumas cenas podem ser fortes para quem tem estômago fraco. Apesar da premissa interessante o filme é um pouco lento, o que faz a sua duração parecer muito maior.

Filho das trevas chegou aos cinemas nesta quinta (23) e dos terrores que já estrearam este ano, este foi de longe o que mais gerou tensão e aquele medinho que se espera sentir com o gênero.


Ficha técnica

Título Original Brightburn
Título  Brightburn - Filho das Trevas
Ano produção 2019
Países de Origem Estados Unidos da América
Direção David Yarovesky
Estreia 23 de Maio de 2019
Duração 90 minutos
Classificação 16 anos
Gênero Ficção Científica  Terror
Elenco David Denman Elizabeth Banks Jackson Dunn Matt Jones Meredith Hagner Becky Wahlstrom Christian Finlayson Elizabeth Becka Emmie Hunter Gregory Alan Williams Jennifer Holland Michael Rooker Stephen Blackehart Steve Agee Terence Rosemore

Escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook