Crítica: John Wick 3 – Parabellum – muita porrada e mais do mesmo

O filme John Wick 3 – Parabellum, a terceira aventura do assassino aposentado chega nos cinemas dia 16 de maio de 2019 vivido pelo ator Keanu Reeves



Dia 16 de maio chega aos cinemas de todo o Brasil o filme John Wick 3 – Parabellum, a terceira aventura do assassino aposentado que voltou a matar interpretado pelo ator Keanu Reeves.

John Wick é o tipo de filme onde você só encontra tiro, porrada e mais tiro e porrada. Porque, história não tem muito não. Em virtude disso, cada filme é uma continuação do outro numa sequência de lutas que não terminam nunca. Será que temos mais um The Fast and the Furious? I hope not.




A nova produção começa exatamente onde John Wick terminou em “Um Novo Dia Para Matar”, com o protagonista fugindo do Hotel Continental, na pulsante Manhattan. Wick quebrou uma das regras fundamentais do hotel e matou um poderoso chefe da máfia no local.
John Wick (Keanu Reeves) é um cara que perdeu a esposa, que curiosamente não foi assassinada pela máfia. Wick também teve o cachorro morto e o carro roubado por um bandido pé de chinelo. Por isso, sai em busca de vingança e no meio do caminho mata geral. Apesar de estarmos no terceiro filme esta história não se aprofunda.


Acontece que John é uma lenda entre os piores elementos da cidade, chega a ter um fã clube capaz de colocar a própria vida em risco para ajudar o Matador mais terrível depois de Gengis Khan. Até Calígula temeria John Wick.

No terceiro filme da série temos a presença de Halle Berry, como Sofia, que acredito deveria ter sido mais bem aproveitada no roteiro, afinal mulheres sangue nos olhos nível Jezabel ainda estão escassas no cinema, queremos e merecemos mais representatividade. Já que podemos ser tão ruim quanto, ou até mais.

Já havia visto algumas resenhas de sites americanos sobre as cenas de luta, concordo que foram muito bem coreografadas, mas existem umas falhas de doer. Em alguns momentos fica claro que John só está vivo por pura sorte, ou porque seus oponentes estão mais preocupados em babar ovo que eliminar seu ídolo.



John Wick 3 – Parabellum é um filme visualmente bonito, com destaque para o terno extremamente alinhado de Keanu Reeves, que mesmo depois de ralar no deserto mantém o branco impecável. Por causa das diversas cenas de luta o filme é muito impactante em termos de som e efeitos especiais. Porém, a falta de uma história mais trabalhada continua sendo o maior problema da sequência.

Ficha técnica


Nome: John Wick 3 - Parabellum
Nome original: John Wick: Chapter 3 - Parabellum
País: EUA
Data de estréia: 16 de maio de 2019
Gênero: Ação
Classificação: 16 anos
Duração: 132 minutos
Distribuidora: Paris Filmes
Direção: Chad Stahelski
Elenco: Keanu Reeves, Halle Berry, Asia Kate Dillon, Ian McShane, Anjelica Huston, Robin Lord Taylor, Mark Dacascos e Saïd Taghmaoui


Escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook