Autor de Maus foi censurado pela Marvel por fazer referencia a Trump

Art Spiegelman , autor da graphic novel Maus , revelou para o The Guardian que a Marvel Comics censurou um trecho de um de seus textos... (por Murilo Barroso B em 29/08/2019, via GeekBlast)


Art Spiegelman, autor da graphic novel Maus, revelou para o The Guardian que a Marvel Comics censurou um trecho de um de seus textos por fazer uma referência ao atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.


O cartunista foi convidado recentemente para escrever um ensaio introdutório para o vindouro livro Marvel: The Golden Age, que relembra o início de vários heróis da editora.

O autor finalizava seu texto com a frase:
“Em um mundo tão real como o de hoje, o vilão mais nefasto do Capitão América está vivo em uma América assombrada por uma Caveira Laranja”.
O titulo “Caveira Laranja” é uma referência a Trump, o que fez a Marvel Comics pedir para o
cartunista retirar o trecho ou o texto não seria publicado. O autor acabou negando o pedido da editora.


De acordo com o site, o pedido partiu diretamente de Isaac Pelmutter, presidente da Marvel Entertainment, por ele ser amigo e colaborador da campanha de Donald Trump.

Escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook