Especial Dia das Mães! As várias formas do amor materno.

Mães da ficção que representam as várias formas do amor materno


Hoje é o Dia das Mães, um dia especial para a mulher mais importante das nossas vidas.
Na ficção, também encontramos personagens que são exemplos de maternidade, e que adoramos ver, seja para aprender com elas, ou apenas rir do cenário que é padecer no paraíso como mãe. Para esse dia, listamos dez figuras maternas.


Acredito que Mãe, vai muito além de gerar um ser. Você pode ser mãe por ter gerado (e criado), por ter adotado, por ser companheira de uma outra mulher, ou até mesmo ser de outro gênero. A frase da Rachel de Friends "Sem útero, sem opinião", citada no início dos anos 2000, não se aplica mais aos dias de hoje, o mundo mudou.

Diante desse pequeno discurso, a primeira mãe é Hana, mulher trans e ex-drag.

Hana - Tokyo Godfathers


Hana, é do filme japonês Tokyo Godfathers (tradução literal: Padrinhos de Tóquio), dirigido por Satoshi Kon, e co-dirigido por Shogo Furuya.

Hana é mulher trans, ela foi abandonada por sua família, e criada por uma drag. Após ser despedida do bar que trabalhava, vai viver como moradora de rua em Tóquio, e encontra Gin e Miyuk. Após achar um bebê abandonado numa data especial, o filme mostra a relação de Hana com o bebê, e o desenvolvimento do seu instinto materno, mesmo não tendo exemplo de uma família tradicional para seguir. Um caminho de descoberta, empatia e amor.


Rochelle - Todo Mundo Odeia o Chris


Rochelle (Tichina Arnold) é a mãe do Chris (Tyler James Williams), Drew (Tequan Richmond) e Tonya (Imani Hakim), da série Todo Mundo Odeia o Chris, baseada na vida real do ator, apresentador e comediante Chris Rock. Ela é casada com Julius (Terry Crews) que tem dois empregos, e é super econômico.

Rochelle trabalha fora quando está afim (afinal seu marido tem dois empregos), e apesar de ter seu jeito afrontoso e "meter o louco" na forma como educa sua família, usando sermões icônicos como "Eu te chuto de hoje, até amanhã", é a seguinte situação: só quem pode xingar sou eu, não se meta com a minha família. 


Te Fiti - Moana


Te Fiti, a mãe de todas as mães, é uma deusa com o poder de criar a vida em sua volta. O coração central para que a natureza esteja sempre farta com sua flora e fauna, através dela, outros lugares podem ser criados e nutridos a distância, como podemos ver no filme Moana.


Jay Kyle - Eu, a Patroa e as Crianças


Janet Marie Kyle (Tisha Campbell-Martin) é casada com Michael Kyle (Damon Wayans), e juntos tem três filhos, Junior (George O. Gore II), Claire (Jennifer Nicole Freeman) e Kady (Parker McKenna Posey).

Jay engravidou no ensino médio, e dedicou-se a família. No decorrer da série ela se divide entre trabalhar e cuidar da família,  mas a necessidade de cuidar dos seus é maior. É uma mãe super moderna, engraçada, aberta para conversas, e sempre que o Michael está exagerando com seus castigos hilários e mirabolantes, é ela quem dita o final. Uma figura materna sábia e muito humorada.


Lorelai Gilmore - Tal Mãe, Tal Filha


Lorelai Gilmore (Lauren Graham) foi mãe adolescente aos 16 anos e criou sozinha sua filha (mãe solteira, já deveria ter caído por terra essa expressão né?). Trabalhou muito para poder se financeiramente estável e dar o melhor para Rory (Alex Bledel). Sempre incentivou a criatividade e o hábito de leitura na sua filha. Muitas vezes mais amiga que mãe, sempre contribuindo e não impondo opiniões no dia a dia de mãe e filha. Apenas quando Rory entrou no ensino médio, Lorelai começou a pensar um pouco mais em si.


Carol Willick e Susan Bunch - Friends


Carol (Janet Sibbett) é a ex-mulher de Ross (David Schwimmer), que descobre sua gravidez logo após a separação. Com a companheira Susan, ela cria Ben (Cole Sprouse) com a participação do ex-marido.

Apesar de todas as farpas entre a sua atual companheira e o pai de seu filho, Carol tenta equilibrar a situação para que Ben tenha a melhor criação possível, rodeado de amor. E Susan testa todos os seus limites, para ser a melhor mãe junto com Carol.

Uma família fora do padrão da época que pode ter feito a diferença na vida de muitas pessoas. Friends foi exibida entre 1994 e 2004.


Tia May - Homem Aranha & Marta Kent - Superman


Mãe vai além do ato de gerar, e nesse tópico trazemos duas figuras maternas da Marvel e DC.

Tia May foi mãe de Peter Parker (Homem-Aranha), logo após o desaparecimento de seus pais biológicos, uma mãe preocupada e dedicada, que continuou a cuidar de Peter, após a morte do seu marido Ben (Tio Ben).

As tias Mays dos live action de Homem Aranha: Rosemary Harris, Sally Field e Marisa Tomei

Marta Kent
não podia ter filhos, mas o universo (literalmente) enviou para ela a criança mais especial que ela poderia pedir. Junto com John Kent criaram e educaram Clark para que fosse uma pessoa do bem e altruísta, orientando e ajudando durante o desenvolvimento dos seus poderes, e depois com fardo de ser um super-herói, o Superman.

Annette O'toole como Martha Kent em Smallville

Beverly Goldberg - Os Goldbergs


A mãe mais mãe de todas, Beverly Goldberg (Wendi McLendon-Covey) é aquela mãe extremamente protetora e pronta para resolver qualquer coisa, você sabia que ela quase foi advogada? (olha a referência)

A série Os Goldbergs retrata a uma família "tradicional" dos anos 80 nos EUA pelo ponto de vista do caçula, Adam Goldberg (Sean Giambrone). O programa é inspirado na família real de Adam (ele é o produtor executivo e criador da série), Beverly é aquela mãe que muitos vão se identificar em pelo menos uma cena ou outra. Ela é faz chantagem emocional para estar perto de seus "anjinhos" o tempo todo, ela é aquela mãe que te faz pagar mico em algum momento, mas ela também é a mãe que sempre vai estar lá para brigar com o mundo para proteger seus filhos e daria a vida por eles.

Sem dúvidas, Beverly Goldberg é a mãezona que temos em algum momento de nossas vidas.

Aquela mãe louca que todos amam

O laço materno é algo essencial no nosso desenvolvimento como ser humano, através dele, recebemos a forma mais genuína de amor.

Algum personagem representou a mãe de vocês? Quem sabe a mistura de algumas delas. 

Feliz Dia das Mães!!!


Escreve para o GeekBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook