Animes Universo Geek Séries & TV

Pluto TV adianta sua estréia no Brasil

Canal streaming da ViacomCBS, com chegada prevista para dezembro, já se encontra disponível na web e sistema IOS



Mais um serviço streaming (serviço de IPTV, televisão via internet), e desta vez gratuito, chega ao Brasil com estreia antecipada. Para acessar o conteúdo não é necessário cadastro. Você pode assistir a programação através do site oficial ou baixando o aplicativo para o sistema iOS, tvOS, Roku. Futuramente, com o lançamento oficial da Pluto TV, o sistema Android receberá a versão do aplicativo, que atualmente encontra-se em desenvolvimento, bem como os consoles de videogames da geração. 

A ViacomCBS é detendora dos canais MTV, Comedy Central, Nickelodeon, Paramount Network, logo, o catálogo inclui filmes, séries e programas clássicos dos mesmos. 

Entre os títulos de filmes estão: Lawrence da Arábia, Star Trek, Anjos da Noite, Expresso do Amanhã, Babel, Blue Jasmine, O Casamento do Ano e Namorados Para Sempre.

Taboo, V.I.P, Investigação Criminal, Ilha da Fantasia, Jeannie é um Gênio, Os Três Patetas, figuram entre as séries. 
Peixonauta, Rugrats Crescidos e Speed Racer: Nova Geração, parte da programação infantil.

A surpresa fica por conta de canais dedicados aos animes (dublados em português), com os sucessos de Naruto, Ghost in The Shell, Hunter x Hunter, Bayonetta: Destino Sangrento, Super Onze e High School of the Dead. 

Opinião


Aplicativo bem leve e intuitivo. Responsivo. Tanto web/app, a transmissão de alta qualidade e sem falhas. Assim foram os meus primeiros testes. E em se tratando de ser 'gratuito '(sustentado por publicidades), está mais do que aprovado.

E vem mais por aí!


A antiga MTV Brasil não ficou para trás e os responsáveis por criarem o conceito em 1990 voltam com um novo canal de nome "Loading", focado no universo jovem, GEEK, com animes e tokusatsus, hits da tv coreana e kpop. O canal poderá ser sintonizado também a partir de dezembro via TV a cabo, serviço streaming e no canal 32 UHF (mesma chave de posição da antiga emissora) para a cidade de São Paulo. 

"A proposta não é ser apenas mais um player de mídia, ou conteúdo, e sim criar um modelo disruptivo de comunicação, capaz de conectar jovens e marcas de maneira orgânica e profunda, com formatos experimentais e mais abertura para a inovação." explica Thiago Garcia, em reportagem para o "Na Telinha".


Roteirista, diretora e produtora Audiovisual/Cultural. Revisora da GameBlast/NintendoBlast. Redatora da Geekblast. E estudante de Produção Multimídia na Universidade Santa Cecília. Streamer nas horas vagas. Fada do Gonzaga e Elfa da Pompéia nos RPGs da vida.


Disqus
Facebook
Google